Cuidar

Plantas tóxicas para os animais de companhia

Plantas tóxicas para os animais de companhia

Algumas plantas ornamentais, comuns em muitas casas, podem causar sérios problemas por ingestão ou mesmo contacto.

A sua toxicidade deve-se à presença de princípios ativos que podem causar intoxicações por ingestão ou irritações cutâneas por manuseamento.

Os sintomas mais comuns incluem vómitos e diarreia, anorexia e sinais de urticária ou mesmo de angioedema (focinho inchado).

É por isso de grande importância saber identificar as plantas que temos em nossa casa ou quintal bem como as que possam existir nos arredores da casa.

Existem plantas que libertam látex (liquido de aspecto leitoso) que devem ser manuseadas com luvas pois o seu contacto pode provocar irritações cutâneas e oculares.

As plantas de cores alternadas e muito vivas ou com flores coloridas normalmente estão associadas a alguma toxicidade.

No caso do posicionamento das plantas exteriores não poder ser alterado deve aplicar um repelente de animais junto às plantas tóxicas que irá manter os seus amigos de quatro patas afastados. No caso de Plantas de interior deverá colocá-las o mais alto possível; no entanto deverá ter em atenção a agilidade e curiosidade dos gatos.

Os animais que estão muito tempo sozinhos, tendem a distrair-se com as plantas existentes e podem mesmo ingeri-las. Quando as plantas são regadas podem ficar com as folhas molhadas e os animais podem ingerir ou lamber as folhas como tentativa de ingestão de água.

Em caso de acidente, guarde a planta ou tire uma fotografia e procure assistência médico-veterinária.