Cuidar

Raça do mês - Bengal

Raça do mês - Bengal

| Origem e Aparência |

Surgiu nos Estados Unidos e em 1963, Jean Sudgen, criadora californiana, adquiriu um gato-selvagem, o gato-leopardo da Ásia, ou seja, um leopardo miniatura de pelagem malhada, o qual é simultaneamente um grande nadador e um excelente pescador. Cruzou-o com uma gata American Shorthair, com o objetivo de criar uma raça de gatos domésticos com traços característicos dos gatos selvagens. As gatas oriundas desta hibridação eram férteis. Quando cruzadas com o pai, deram à luz gatinhos com pelagem malhada. Assim nasceu o Bengal.

O primeiro espécime da raça, “Millwood finally Found” foi registado pela T.I.C.A – The International Cat Association em 1983. Não foi reconhecido pela CFA – Cat Fanciers'Association e a F.I.F.E – Fédération Internationale Féline apenas o reconheceu recentemente, tendo surgido em França em 1991. Esta raça faz parte da nova geração de “gatos selvagens” e permanece ainda pouco disseminada.

Trata-se de uma raça com uma estrutura óssea e musculatura forte, pesando entre 5,5 a 9 Kg

Os seus olhos são grandes, ovais bastante espaçados, ligeiramente oblíquos. A sua cauda tem um comprimento médio, grossa afilando em direção à extremidade arredondada Seu pelo costuma ser curto e fino, com uma textura espessa e muito suave ao toque. Uma característica bastante marcante nesta raça é o fato das patas traseiras serem mais altas do que as suas dianteiras, herança deixada por seus ancestrais  e a sua versão selvagem. É uma raça cuja esperança média de vida ronda os 10 a 15 anos.

| Temperamento e Caráter |

Os gatos da raça Bengal são bastante carinhosos e participativos, procuram sempre interagir com seus donos como se fossem cães, sua docilidade e sociabilidade são aliadas a seu aspecto feroz, encantando e desconsertando as pessoas mais desavisadas. Não é todo o dia que ao visitarmos alguém somos surpreendidos com um pequeno leopardo a entrar na sala, atravessando como um legítimo rei das selvas e começa a ronronar pedindo mimos. Como curiosidades da raça, podemos dizer que os Bengals não costumam miar. Seu miado é muito suave, muitas vezes imperceptível, a chamada voz da selva, algo que é um misto bastante suave de latido com um rugido, quando o seu gato exemplar desta raça pede a palavra não deixa dúvidas quanto á isto.

O Bengal acima de tudo é um gato independente, que guarda algumas características de seus ancestrais selvagens. São bastante curiosos, brincalhões e também ativos. Costumam apreciar escalar coisas e adoram brincar na água. Costumam dar-se muito bem com pessoas, mesmo que elas sejam estranhas e ainda apreciam brincar de apanhar objetos.

Possui como habilidades a facilidade de ser um excelente caçador, além de reflexos extremamente rápidos principalmente para fugir de perigos, além disto, são considerados exímios observadores.

| Saúde e Cuidados Específicos |

Os gatos Bengal tendem a ter boa saúde e não são relatadas doenças origem genética nessa raça. Os cuidados com saúde e alimentação não precisam ser diferentes das consideradas com qualquer outro gato doméstico. 

Alguns criadores têm a opinião que os gatos de Bengal pode ser mais propensos a intoxicações alimentares devido à maior sensíbilidade que sentem a qualquer mudança nos hábitos alimentares. 

Os Bengals têm características que quase o tornam um gato que mais parece um cão! 

Existem algumas recomendações de rações premium para alimentar os animais adultos, estas que deverão ser oferecidas ao animal para um bom desenvolvimento de seus atributos.

No caso das fêmeas que estiverem esperando filhotes, por exemplo, elas deverão ser alimentadas com ração de tipo “kitten” para animais em crescimento.

A vacinação padrão anual é necessária para raiva, leucemia, panleucopenia e rino traqueíte, todas as condições genéticas que podem ser acometidas nestes animais que, porém caso sejam vacinados raramente oferecem estes tipos de problemas.

Uma dica interessante para a beleza e para a saúde destes felinos são os banhos, que deverão ter intervalos mínimos quinzenais, ajudando a manter a sua pelagem sedosa eliminando assim todos os riscos de doenças de origem dermatológica no animal, além disto, o banho deverá remover componentes alergénicos que causam coceira no pelo do gato. Os gatos Bengal gostam muito de banhos, e diferentes de outras raças não irão renegar uma boa água refrescante para ficaram mais bonitos do que já são.

Apesar das situações de saúde citadas acima, os felinos da raça Bengal não são suscetíveis a nenhum tipo de doença em particular, nem mesmo propensos a desenvolver doenças genéticas. Como todos os híbridos possuem bastante saúde e vigor para brincar muito e se divertir com seus donos. Vale lembrar que as situações citadas acima são atípicas e poderão acontecer com qualquer tipo de animal de estimação que não esteja com a sua saúde em dia.

Por este motivo é muito importante lembrar sempre de oferecer uma alimentação correta adequada para o felino e para a sua idade em específico sem esquecer ainda que o felino desta raça deverá ser tratado com todo o amor e carinho para que a sua saúde seja mantida.

| Curiosidades | 

- Não costumam miar. Seu miado é muito suave, muitas vezes imperceptível, a chamada voz da selva,

- Adoram brincar com água que os torna distintos de outros gatos

- São animais que convivem muito bem com famílias e podem ser uma boa escolha de raça de gatos para lares com crianças

- Eles têm pique para horas de brincadeiras e são extremamente curiosos.

- As patas traseiras são mais altas que as dianteiras.