Cuidar

Queda de pelo

Queda de pelo

Para minimizar a queda de pelo, além de boa nutrição e cuidados com a saúde, banhos e escovagens corretas são a resposta para o problema.

É recomendado aumentar a frequência da escovagem do pelo para remover os pelos que já caíram, mas se encontram ainda presos ao corpo do animal. Outra dica é massajar a pele para estimular a circulação e remover sujidades e descamações. Durante a escovagem, os pelos ficam presos na escova facilitando a eliminação e diminuindo a queda durante o restante do dia. Esse tipo de queda de pelo, considerada fisiológica, não causa falhas na pelagem, exposição, nem lesões na pele.

Os banhos frequentes são imprescindíveis para ajudar na remoção dos pelos mortos e consequentemente diminuir a quantidade de pelos que podem soltar-se.

A qualquer sinal de falha de pelo, crostas, coceira, mau cheiro ou oleosidade em excesso, é importante consultar o médico veterinário. Essas alterações podem sinalizar doença de pele, que deve ser investigada e tratada logo no início, para evitar agravamento das lesões.