Especialidades

Oncologia

Quando se ouve a palavra cancro, de um modo geral, somos levados a pensar em doença terminal ou sensação de impotência.

undefined

 

Apesar de muitas equipas de investigação se empenharem na busca de mais conhecimento sobre os mecanismos associados à génese e desenvolvimento do cancro no Homem e nos animais, esta doença é cada vez mais frequente. As causas para este aumento do número de casos de cancro diagnosticados são muitas. A título de exemplo, podemos enunciar a atual existência de melhores meios de diagnóstico, os hábitos de vida e fatores de risco partilhados entre o animal de estimação e o(s) seu(s) dono(s), e ainda o envelhecimento das populações em consequência de melhores condições de vida (habitação, alimentação e meios de prevenção e tratamento de doenças infeto-contagiosas).

Com o aumento da esperança de vida dos animais e o desenvolvimento de novas ferramentas tecnológicas que permitem diagnósticos mais eficientes, tem sido verificado um aumento da incidência de cancro em cães e gatos.

O diagnóstico precoce é a arma mais importante no tratamento e prognóstico de um doente oncológico. O tratamento dependerá do tipo de tumor e do seu completo estadiamento.

Para além da cirurgia oncológica e de diversos protocolos de quimioterapia convencional, adequados a cada caso, o HVB dispõe de diversos equipamentos para o tratamento especializado do paciente oncológico, como são a crioterapia, a terapia fotodinâmica, e diversas estratégias de imunoterapia indicadas no tratamento de várias neoplasias como o melanoma e o linfoma.

No nosso hospital, com frequência recomendamos a terapia/controlo do cancro com um tipo diferente, e mais recente, de quimioterapia – a quimioterapia metronómica. Este tipo de quimioterapia é administrado em casa pelos proprietários dos animais, por via oral, e requer manipulação e preparação prévia e personalizada dos comprimidos, um serviço prestado pelo HVB.

Porque todos os dias lidamos com fármacos citotóxicos, dispomos de dispositivos de segurança que evitam o seu derrame e a libertação de aerossóis.

A oncologia veterinária, a par dos avanços na prestação de cuidados aos nossos animais, tem, também, contribuído para aumentar o conhecimento que hoje existe sobre a biologia do cancro no Homem, o seu diagnóstico e tratamento. Os cães e gatos nos quais os tumores surgem de maneira espontânea são excelentes modelos naturais para o estudo do cancro. Estes animais estão sujeitos ao mesmo ambiente e fatores de risco que os seres humanos e podem receber o mesmo tipo de terapêutica.

A equipa do HVB participa em diversos projetos de investigação, nacionais e internacionais, com o intuito de promover a investigação na área da oncologia comparada, contando com o fundamental apoio do Instituto Português de Oncologia, Francisco Gentil – Lisboa. Acreditamos que um dia será possível compreender a tratar melhor o cancro, para o bem de todos nós e, principalmente, dos nossos pacientes.

O responsável por esta especialidade é o Dr. Joaquim Henriques, com vasta experiência clínica trabalhando nesta área desde 2005. De resto, toda a equipa do Hospital Veterinário Berna, está treinada para cuidar e tratar animais com cancro.